Desenvolvimento de competências pessoais e sociais

Responsável da Unidade Curricular: Docente De Testes
1º Ano | 1º Semestre
Objetivos de aprendizagem
-Compreender e avaliar os obstáculos do processo comunicacional. -Demonstrar algumas competências sociais em contextos situacionais diferenciados. -Manifestar comportamentos empáticos e descentrados, eticamente fundamentados, na relação com o supervisionado. -Compreender o processo da autoscopia no desempenho pessoal.

Conteúdos programáticos
1. Competências pessoais 1.1. Processos de aprendizagem e de autoavaliação 1.2. Estilos de aprendizagem 1.2.1. MBTI (Myers - Briggs Type Indicator) 1.2.2. Inventário de Kolb (KLSI) 1.3. Aprendizagem experiencial 2. Competências sociais 2.1. Competências técnicas e sociais 2.2. Comunicação interpessoal 2.3. Informar e dar feedback. O «feedback gap» 2.4. Resolver problemas e tomar decisões 2.5. Diversidade nas organizações. 2.6. Estereótipos associados à idade 2.7. Práticas de inclusão de género 3. Congruência e consonância cognitiva 3.1. O modo inautêntico de ser, as relações tóxicas e o doble bind discursivo 3.2. Técnicas sobre a identificação, avaliação e intervenção paradoxal

Avaliação

Com uma componente de ensino blended learning, baseada em aulas presenciais, síncronas e assíncronas, postulamos como fundamental o desenvolvimento de um processo de aprendizagem alicerçado na autonomia, no trabalho cooperativo e no contacto com a realidade problematizadora. Com o objetivo de desenvolver competências de relação pessoal e interpessoal, a metodologia a implementar e concertada com a tipologia definida (presencial/síncrona e assíncrona) compreende a dinâmica de role-play, a análise de casos práticos, observação participante, análise de documentos e a autoscopia. As competências são qualidades inerentes a cada pessoa e correspondem designadamente a hábitos, a comportamentos, a atitudes e a atributos. Promovem não só um bom relacionamento com as restantes pessoas e com o mundo que as rodeiam, mas também um bom desempenho profissional. O trabalho de equipa eficaz e eficiente é o foco. A dimensão individual será fundamental para a articulação com a dimensão grupal. 1º -Trabalho individual, com apresentação oral de um tema - 70% 2º - Trabalho de equipa: realização de um vídeo final, elaborado a partir do trabalho colaborativo de todos, organizado a partir de partes de vídeo de cada um - 30%

Bibliografia

Alasko, C. (2011). Treta emocional: Como quebrar o círculo vicioso de negação, ilusão e recriminação que destrói os seus relacionamentos. 1.ª ed. Lisboa: Pergaminho Bermejo, J. (2007). Apuntes de la relación de ayuda, 9ª ed. Madrid: Santander - Centro de Humanización de la sal Terrae Del Prette, Z.; Del Prette, A. (2009). Psicologia das habilidades sociais: diversidade teórica e suas implicações. Petrópolis: Vozes Fachada, M. Odete (2018). Psicologia das relações interpessoais. Lisboa: Edições Silabo Neves J. et al. (2015). Manual de Competências Pessoais, Interpessoais e Instrumentais - Teoria, e Prática 3ª Edição, Edições Silabo