Departamento de Formação de Professores

Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica
2° Semestre Avaliação em Supervisão Pedagógica
Objetivos de aprendizagem
1. Dominar com profundidade os conceitos-chave da avaliação 2. Valorizar a importância da avaliação ao serviço da melhoria 3. Conceber e implementar processos de avaliação de instituições educativas 4. Conceber, implementar e avaliar processos de ADD, ao serviço da melhoria da prestação profissional 5. Promover a integração de processos de avaliação de escolas, de desempenho docente e de formação profissional 6. Coordenar estratégias avaliativas das aprendizagens, de forma eficiente e eficaz, em função de propósitos previamente definidos 7. Apoiar a disseminação de cultura avaliativa nos contextos educativos onde opera

Conteúdos programáticos
1. Avaliação: o conceito - a polissemia do conceito - finalidades da avaliação: melhoria, prestação de contas, disseminação e enriquecimento/criação de conhecimento - Referentes da avaliação: criterial, normativa e ipsativa - O perfil de competências do avaliador 2. Avaliação de escolas - Os modelos CAF e EFQM - conceitos básicos - Responsabilidades do supervisor nos processos de melhoria contínua - Desenho, implementação e monitoria de processos de avaliação interna de escolas 3. Avaliação de desempenho - Os pressupostos - O processo de auto-avaliação - A AD enquanto mecanismo de apoio à formação e desenvolvimento pessoal - Implementação e monitorização de processos de avaliação de desempenho docente - Observação de aulas 4. Avaliação das aprendizagens - Avaliação formadora/autêntica - A importância da auto-regulação das aprendizagens pelos alunos - Supervisão das estratégias avaliativas dos docentes

Avaliação
- Exposição teórica de conteúdos e realização de reflexões críticas sobre problemáticas relacionadas com os conteúdos da UC - Momentos de debate presenciais para a partilha de saberes e experiências sobre as questões da avaliação - Análise e avaliação de estratégias, metodologias e instrumentos de avaliação -Trabalho com vista à elaboração, em grupo, de um projeto de avaliação, de forma a poderem aplicar, em contexto de prática real, os conceitos e conhecimentos adquiridos. AVALIAÇÃO Trabalho individual: 40% Trabalho de grupo: 60% Realização de um trabalho, em grupo, sobre os temas abordados que integre os vários objetivos propostos e permita avaliar o grau de domínio das competências previstas. Este trabalho será complementado por uma reflexão individual, onde se evidenciará as principais aprendizagens realizadas e as suas consequências para o seu trabalho (atual ou futuro) como profissional docente com responsabilidades ao nível da supervisão.

Bibliografia
ALAIZ, Vítor, GÓIS, Eunice, GONÇALVES, Conceição, (2003). Autoavaliação de escolas: pensar e praticar. Porto: Ed. ASA (9789724133058) BAMBERGER, Michael, RUGH, Jim, LINDA, Mabry, (2006). RealWorld Evaluation, Thousand Oaks, Sage Publications (9781412979627) CAETANO, António, (2008). Avaliação de Desempenho, Lisboa, Horizonte (9789722415866) DGAEP, (2006). CAF 2006 estrutura comum de avaliação, melhorar as organizações públicas através da autoavaliação. Lisboa: Dir. Geral da Adm. e do Emprego Público (978-972-9120-73-2) FERNANDES, Domingos, (2005).Avaliação das aprendizagens, desafios às teorias, práticas e políticas. Lisboa: Texto Editores. (972-41-3305-2) SANTIAGO, Paulo et al (2012). OECD Reviews of Evaluation and assessment in education: Portugal 2012, OECD Publishing, http://dx.doi.org/10.1787/9789264117020-en (978-92-64-11702-0) STUFFLEBEAM, Daniel, SHINKFIELD, Anthony, (2007), Evaluation Theory, Models and Applications. San Francisco: Jossey-Bass (9780787977658)