Departamento de Formação de Professores

Licenciatura em Educação Básica (1ciclo)
1° Semestre Desenvolvimento do Raciocínio Lógico Matemático
Objetivos de aprendizagem
Distinguir conhecimento matemático de conhecimentos de outra natureza Identificar as caraterísticas do conhecimento lógico-matemático Caraterizar as etapas da construção do conhecimento matemático Explicar as implicações pedagógicas decorrentes do processo de construção de conhecimento Reconhecer a importância da realização de actividades contextualizadas e integradoras Justificar a importância da resolução de problemas no desenvolvimento do raciocínio Identificar as orientações curriculares para a aprendizagem/ensino da Matemática na Educação Básica Estabelecer conexões entre os objetivos da Matemática definidos para os vários ciclos do Ensino Básico Reconhecer a resolução de problemas como uma estratégia promotora da competência matemática Reconhecer a importância da utilização das tecnologias de informação e comunicação na educação matemática Adequar estratégias e materiais para o ensino da Matemática nos diferentes contextos da Educação Básica

Conteúdos programáticos
- O conhecimento matemático Caraterísticas do conhecimento matemático - A contrução de estruturas de natureza lógico-matemática A construção do conceito de número: das atividades de natureza pré-numérica à construção do conceito de número A construção de conceitos topológico-geométricos: a criança e o espaço - da topologia à geometria A construção das noções relacionadas com grandezas e processos de medição - O ensino da Matemática e o desenvolvimento da competência matemátca Evolução curricular no ensino da Matemática Princípios e normas do ensino da Matemática A promoção de competência matemática Objetivos da matemática escolar - A resolução de problemas em educação matemática Os problemas e a educação matemática Tipologia de problemas Modelos de resolução de problemas Estratégias de resolução de problemas - A Matemática e as novas tecnologias O desenvolvimento dos conceitos lógico-matemáticos e as novas tecnologias

Avaliação
Estratégias e recursos utilizados: Exposição Debate Análises de documentos Trabalho individual Trabalho em grupo Descrição: Os momentos de natureza expositiva a a análise documental constituirão pontos de partida para a criação de espaços de debate e consequente reflexão sobre as temáticas em exploração, quer individualmente, quer em pequenos grupos, quer em grande grupo. Formas de avaliação e respetiva ponderação: Teste individual (70%) e trabalho de grupo (30%) Descrição: A avaliação dos conhecimentos científicos adquiridos basear-se-á no desempenho de cada estudante evidenciado no teste individual escrito. A realização do trabalho de grupo permitirá avaliar o desenvolvimento de cada estudante no que diz respeito principalmente às capacidades de pesquisa, de análise, de síntese e de comunicação, nomeadamente sobre aspetos normativos da aprendizagem da Matemática.

Bibliografia
BÍVAR, A. et al (2013). Programa e metas curriculares de matemática: ensino básico. Lisboa: MEC COLL, C., PALACIOS, J., MARCHESI, A.(2002), Desarrollo Psicológico y Educación - Psicología de la educación escolar, Vol.2, Madrid: Alianza Editorial. ISBN 978-84-206-8685-1 ME (1997). Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar. Lisboa: ME-DEB. ISBN: 972-742-087-7. MOREIRA, D., OLIVEIRA, I (2003). Iniciação à Matemática no Jardim de Infância. Lisboa: Universidade Aberta. ISBN 972-674-403-2 NCTM (2007). Princípios e Normas para a Matemática Escolar. Lisboa: APM. ISBN: 978-972-8768-24-9 NOGUEIRA, I., GONÇALVES, D. (2013). Las prácticas disciplinarias como vehículos potenciadores de atribución de sentido/s: experiencia en la formación profesional de los futuros profesores de primer y segundo ciclo de la educación básica. InLa relación pedagógica en la universidad, lo transdisciplinar y los estudantes. Madrid. Depósito Digital UAM. ISBN: 978-84-695-8202-2.